Aberta oficialmente a colheita do arroz



Foi dada a largada: Entre os dias 09/02 e 11/02 ocorreu a 31ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz e Grãos em Terras Baixas, inerente à safra 2020/2021, na Estação Experimental Terras Baixas da Embrapa Clima Temperado, em Capão do Leão (RS). A abertura, organizada pela Federarroz – Federação das Associações de Arrozeiros do RS, com coprodução da Embrapa, teve como tema sob debate "Os novos rumos do sistema de produção".


O evento, ocorreu de forma híbrida, Com atividades presenciais e também transmissão pela internet. Foram apresentados oito painéis, onde se discutiram assuntos como futuro da produção, opções em sistemas de irrigação, tecnologia e inovação na prática no dia a dia do campo, perspectivas de mercado para o arroz, soja, milho e pecuária, intensificação dos sistemas produtivos, agricultura de precisão e intensificação de pecuária a pasto, logística, estratégias de exportação, questões ambientais entre outras.


A abertura reuniu produtores de diversas regiões do país, engenheiros agrônomos, técnicos, políticos, instituições de pesquisa e ensino do setor e empresas que ligadas à tecnologia agrícola. Dentre as instituições de ensino, nos espaços da Estação Experimental, houve a representação de todas as universidades ligadas ao arroz, como Ufrgs, UFSM, UFPel, e também da Epagri (SC), além do IRGA e da Embrapa, que são as principais organizações públicas ligadas à pesquisa do grão.


Vale ressaltar também a presença de autoridades políticas, como o secretário da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Covatti Filho, e o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, que destacou o dinamismo, resiliência e força de vontade do produtor de arroz ao superar inúmeros obstáculos e, com isso, contribuir decisivamente para a segurança alimentar do povo brasileiro.


A solenidade teve como objetivo desenvolver o setor orizícola, proporcionando essa interação entre produtores, autoridades, entidades e empresas do agronegócio do arroz com a finalidade de divulgar os avanços científicos e tecnológicos na cultura, além de discutir a realidade socioeconômica do setor em níveis nacional e internacional.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo